terça-feira, 17 de março de 2015

É namoro ou amizade, China + EUA ?

   Hoje escrevo com raiva, o país que mais deve (e ainda quer dever mais) no mundo, é o EUA. Nessa situação e ainda tem coragem de falar dos “miseráveis” do 3º mundo. O pior é quem mantém essa boca bem alimentada, a China. Eles estão para “receber” 1,3 trilhão de dólares equivalente a quase 1.000 por cidadão chinês, o gigante oriental que se diz comunista e avesso ao modelo econômico norte-americano é seu maior credor.

   Resolver as mazelas do povo chinês (poluição assassina, trabalho escravo, restrição religiosa e etc.) é um pouco difícil mas financiar um país historicamente câncer do mundo, para facilitar a vida dos chineses que fogem para lá e manter o padrão Hollywood de ser é mais fácil, o “Bolsa-Miami” chinês eu não esperava.

   Outro exemplo da capacidade dessa ditadura abominável é provocar a divisão da Coréia, colonizando o norte com chineses da mais baixa qualidade (fingindo que eles sempre estiveram ali), usando o país como marionete para chantagens mundiais. Eu sempre ouvi falar que quem se odeia acaba namorando, mas essa situação não daria nem para novela mexicana.

   O EUA a atriz velha com cara de ex-prostituta com a capacidade de reproduzir a mesma conversa fiada e manter tudo “embaixo dos panos”. O governo chinês para mim a continuação do nazismo na terra só resta saber quando vão entrar na Coréia do sul e jogar o povo nas fornalhas.

 Exército chinês, continuando com o nazismo.